Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

leitura mais recente

Somewhere in Time - Richard Matheson

"Typical of me. Thirty-six years old, a crush here and a crush there, a random scattering of affairs that mimicked love. But nothing real, nothing that endured. Then, having reached a terminal condition, I proceed to lose my heart, at long last, to a woman who's been dead for at least twenty years. Good show, Collier." 'Somewhere in Time', Richard Matheson

Algures no tempo, Richard Matheson teve esta ideia genial de transformar uma viagem para outra época numa história de amor muito íntima e bonita, que uniu Richard e Elise muito para além da vida. A forma como escreve transporta-nos para a história e para os locais que Richard visita, fazendo-nos apaixonar também por aquela nova vida que conquista.

Richard, argumentista de televisão, vive nos anos 70 a difícil notícia de ter uma doença terminal aos 36 anos. Procura fugir de tudo e todos e acaba no Hotel del Coronado, em San Diego, onde se apaixona por Elise McKenna, uma actriz americana do século XIX que actuou n…

Mensagens mais recentes

O Desconhecido do Norte Expresso - Patricia Highsmith

Crime e Castigo - Fiódor Dostoievski

O Nosso Reino - Valter Hugo Mãe

A Amante Holandesa - José Rentes de Carvalho

A Noiva do Tradutor - João Reis

Catedral - Raymond Carver

Blankets - Craig Thompson

To the Lighthouse - Virginia Woolf

Noites Brancas - Fiódor Dostoiévski

O Pintor debaixo do Lava-Loiças - Afonso Cruz

O Velho que Lia Romances de Amor - Luís Sepúlveda

A Boneca de Kokoschka - Afonso Cruz

Segredo Ardente - Stefan Zweig

Lolita - Vladimir Nabokov

Na Memória dos Rouxinóis - Filipa Martins